Apesar de ser uma hipótese desconfortável para abordarmos, precisamos considerá-la. Como em qualquer outra locação, seja de objetos, carros, imóveis etc. o cliente assume direitos e deveres perante o contrato de locação firmado com a GetMalas. Não possuímos um seguro específico para a mala que cubra todas as situações possíveis. Nossa cobertura alcança somente incidentes ocorridos dentro dos processos de manipulação pela empresa de transporte (aérea, rodoviária ou marítima) desde que o cliente nos apresente o formulário RIB (Registro de Irregularidade em Bagagem). 

Em situações ocorridas fora desse ambiente, ou sem a formalização do RIB, o cliente assume a responsabilidade sob o item locado e consequentes custos de reparo ou reposição. Alguns exemplos: 

  • A bagagem caiu da escada e quebrou uma rodinha;
  • Uma embalagem com produto químico vazou e manchou o tecido interno;
  • A bagagem foi furtada no hotel, no caminho para o hostel ou em algum outro lugar fora do aeroporto;

Ainda, mesmo que o dano ou avaria tenha sido responsabilidade da empresa de transporte, caso o cliente não preencha e nos apresente o formulário RIB, seremos obrigados a cobrar do cliente os custos de reparo ou reposição do produto. Não temos uma tabela de preços fixa para referência pois trabalhamos com diversos modelos de malas e os valores de reparo costumam variar bastante. Nos comprometemos em praticar valores justos e coerentes para reparos e custos de reposição compatíveis com a condição de itens seminovos (se a mala alugada for furtada, o cliente pagará um valor considerando que se tratava de um produto já usado).

Dito isso, fique sempre atento! Independente de ser uma mala alugada ou própria, não deixe de conferi-la assim que pegá-la na esteira do aeroporto! Se notar alguma parte ou peça danificada, amassada ou avariada, procure o balcão de atendimento da empresa, nessa mesma área de desembarque, e formalize a reclamação. De acordo com as novas regras da ANAC, a empresa terá até 7 dias corridos para providenciar o reparo, substituição por uma mala nova ou indenização compatível com o valor de mercado do produto.

Encontrou sua resposta?